London 17 - Royal Albert Hall Albert Memorial

twitter.com/perezmarquinhos
Royal Albert Hall is a concert hall on the northern edge of South Kensington, London, best known for holding the Proms concerts annually each summer since 1941. It has a capacity (depending on configuration of the event) of up to 5,272 seats. The Hall is a registered charity held in trust for the nation and receives no public or government funding.
Since its opening by Queen Victoria in 1871, the world's leading artists from several performance genres have appeared on its stage and it has become one of the UK's most treasured and distinctive buildings. Each year it hosts more than 350 events including classical concerts, rock and pop, ballet and opera, sports, award ceremonies, school and community events, charity performances and banquets.
The Hall was originally supposed to have been called the Central Hall of Arts and Sciences, but the name was changed to the Royal Albert Hall of Arts and Sciences in tribute to Queen Victoria's deceased consort, Prince Albert. It forms the practical part of a national memorial to the Prince Consort - the decorative part is the Albert Memorial directly to the north in Kensington Gardens, now separated from the Hall by the road Kensington Gore.
The Albert Memorial is situated in Kensington Gardens, London, directly to the north of the Royal Albert Hall. It was commissioned by Queen Victoria in memory of her beloved husband, Prince Albert who died of typhoid in 1861. The memorial was designed by Sir George Gilbert Scott in the Gothic Revival style. Opened in July 1872 by Queen Victoria, with the statue of Albert ceremonially "seated" in 1875, the memorial consists of an ornate canopy or pavilion, in the style of a Gothic ciborium over the high altar of a church, containing a statue of the prince facing south. The memorial is 176 feet (54 m) tall, took over ten years to complete, and cost £120,000 (the equivalent of about £10,000,000 in 2010). The cost was met by public subscription.
O Royal Albert Hall (em português, Salão Real Alberto) é um salão de espetáculos em South Kensington, Londres, capital do Reino Unido, com capacidade para quase 6.000 pessoas. Foi inaugurado a 29 de Março de 1871 pela rainha Vitória, em memória do seu falecido consorte Alberto de Saxe-Coburgo-Gota.[1] [2]
O edifício, caracterizado por uma abóbada de vidro, foi desenhado pelo capitão Francis Fowke e o coronel H.Y. Darracott Scott, que optaram pelo uso do tijolo em terracota. Esta preferência arquitectónica é característica da era vitoriana e está presente, por exemplo, no Museu de História Natural de Londres.
Desde sua inauguração, o Royal Albert Hall tem sido utilizado para eventos culturais e desportivos, com concertos ou espectáculos musicais. Os britânicos do Led Zeppelin apresentaram-se no dia 9 de janeiro de 1970, no auge da carreira e com o hard rock correndo em suas veias, mostram um dos seus melhores shows ao vivo, e ja mostravam o que seria o rock and roll que influenciaria muitas bandas posteriores.Outra lenda da música que passou pelo Royal , foi David Gilmour
apresentando o show Remember That Night. A banda de rock alternativo de Las Vegas, The Killers fez dois shows nos dias 5 e 6 de julho de 2009 no Albert Hall para a gravação do DVD Live From The Royal Albert Hall, que vem acompanhado de um CD e foi lançado no dia 9 de novembro do mesmo ano. A cantora e atriz britânica Sarah Brightman gravou um DVD chamado "In Concert - Live Royal Albert Hall" com temas famosos de músicais em 1997, contando com a participação da Orquestra Sinfonica de Londres, Andrea Bocelli e Andrew Lloyd Webber. Em 2004 foi a vez de Rod Stewart, conhecido por sua voz áspera e rouca, grava um DVD intitulado Rod Stewart - One Night Only (Live at Royal Albert Hall 2004), o espetáculo conta com participações especiais com destaque para cantora Amy Belle no sucesso I Don't Want to Talk About It de Steward em um bellissimo dueto. A banda The Corrs formada pelos irmãos Andrea Corr, Sharon Corr, Caroline Corr e Jim Corr também marcaram presença gravando o DVD "live at Royal Alber hall" em 17 de março de 1998. O músico Noel Gallagher também tem bastante história no Royal Albert Hall, onde gravou o MTV Unplugged pela banda britânica Oasis, e onde também gravou o álbum The Dreams We Have As Children, no Teenage Cancer Trust de 2007, participando também em 2010. Foi também palco para o Concert For George em 2002, em homenagem a um ano de falecimento do ex-beatle, George Harrison, que contou com a participação dos também, ex-beatles, Paul McCartney e Ringo Starr, e no dia 21 de setembro de 2011 o álbum de vídeo Live at The Royal Albert Hall da cantora Adele foi gravado neste mesmo lugar. Outra grande apresentação no Royal Albert Hall foi da cantora italiana Laura Pausini que semanas antes do show lotou o espaço com capacidade máxima.

Comentários

  1. Cata strophic

    Cata strophic

    2 anos atrás

    Thanks for the video ,i learned something !

    • Marquinhos Perez

      Marquinhos Perez

      2 anos atrás

      Cata strophic Your welcome, thanks for comment.

Próximos vídeos